RN larga com 16 medalhas no primeiro dia de competições

Foto: Reprodução

O Rio Grande do Norte mais uma vez mostrou a sua força no paradesporto, largando com 16 medalhas no primeiro dia de competições das Paralimpíadas Escolares 2021. Nesta quarta-feira (24), no Centro de Treinamento Paralímpico, em São Paulo, os atletas potiguares competiram nas modalidades de atletismo e natação, conquistando oito medalhas de ouro, sete de prata e uma de bronze.

A estreia da equipe de atletismo começou dourada com Gabriel Coriolano, do IFRN da Zona Norte, conquistando duas medalhas de ouro, uma na prova dos 75m rasos e outra no salto em distância, na classe T37. Depois foi a vez de Maria Clara, da Escola Estadual de Emaús, conquistar o terceiro ouro potiguar na prova dos 100m rasos, classe T47.

A quarta medalha dourada veio com Alexsandro Santos, da Escola Estadual Berilo Wanderley, vencendo a prova dos 60m rasos, classe T32. O atletismo fechou o dia com mais duas de ouro com Brenda Dantas, do IFRN de Santa Cruz, no arremesso de peso, classe T46, e Kauê Erick, da Escola Estadual Josefa Sampaio, no salto em distância, classe F12, além de cinco medalhas de prata e uma de bronze.

A natação também brilhou no primeiro dia de competições das Paralimpíadas Escolares. O atleta Leonardo Jovêncio Nogueira da Silva, da Escola Estadual José Vieira – Conjunto Novo Amarante, conquistou dois ouros, nas prova dos 50m e 200m livres, classe S2, além de uma prata com Juan Pedro Lima da Silva, da Escola Estadual Padre Miguelinho, na prova dos 50m livres, S21.

O chefe da delegação e coordenador de esportes da SEL-SEEC, Cezinha Nunes, comemorou a estreia potiguar. “O Time RN mostrou a sua força neste primeiro dia, através da superação brilharam em suas provas e estão orgulhosos de representar seu estado e suas escolas”, revelou. A expectativa é de mais medalhas nesta quinta-feira (25).

As Paralimpíadas Escolares são idealizadas e organizadas pelo Comitê Paralímpico Brasileiro e tiveram a sua primeira edição em 2009. Em 2020, o evento não foi realizado devido à pandemia de Covid-19.

FONTE: TRIBUNA DO NORTE

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

2 × 3 =