Segurança Pública e Educação se reúnem para tratar de ameaças em escolas do RN

Foto: Reprodução

A Secretaria de Segurança Pública do Rio Grande do Norte faz reunião na manhã desta quarta-feira (18) para tratar sobre situação de ameaças de morte, por meio de bilhetes e pichações, que vêm ocorrendo dentro de escolas públicas e privadas do estado. Viaturas da Polícia Militar estiveram presentes em uma escola privada em Nova Parnamirim para checar informações sobre ameaças no local.

A Polícia Militar divulgou nota informando que tomou ciência de pichações e ameaças em colégio em Nova Parnamirim, Região Metropolitana de Natal. Diante do fato, a Polícia Militar acionou a Polícia Civil e Instituto Técnico-Científico de Perícia (ITEP) para realizarem diligências ao local neste momento. “A ação iniciou às 10h e visa apurar e investigar o caso”, afirma a PM em nota.

As equipes de reportagem da TV Ponta Negra e Ponta Negra News aguardam informações da instituição.

No início deste mês, uma mensagem com ameaça de massacre deixou em alerta pais, alunos e funcionários da Escola Henrique Castriciano de Souza, em Macaíba, na Região Metropolitana de Natal. O recado foi escrito em carteiras da sala de aula afirmando que o ataque aconteceria no dia 4 de maio.

Uma das funcionárias da instituição encontrou o recado na sexta-feira (29) e avisou à direção da escola. A gestora comunicou à secretaria estadual de Educação, Polícia Militar, e registrou boletim de ocorrência na Delegacia de Polícia Civil.

Cerca de 400 alunos do sexto ao nono ano estão matriculados nos turnos manhã e tarde na Escola Estadual Henrique Castriciano de Souza, que fica no centro de Macaíba.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

dez − um =