Carnatal 2021: Bloco da Anitta sairá pela 1º vez na micareta potiguar

Foto: Reprodução

Uma das maiores cantoras do Brasil na atualidade, Anitta será atração do sábado (11) de Carnatal. A edição especial de 30 anos do evento será a primeira do “Bloco da Anitta”, sucesso nos principais carnavais do Brasil. A informação foi confirmada pela Destaque Promoções, empresa realizadora da micareta.

Esta será, também, a primeira apresentação fechada pela artista fluminense no Brasil desde o início do pandemia do novo coronavírus. O “Bloco da Anitta” é uma das principais marcas relacionadas à cantora, que já moveu multidões atrás do trio nos carnavais de São Paulo e no Rio de Janeiro.

Anitta já esteve no Carnatal, mas não em cima do trio em um bloco com sua identidade. Em 2019, última edição da micareta, ela encerrou o camarote Skol Beats, marca da qual a artista é sócia. A data do início da comercialização dos abadás ainda não foi confirmada, mas deve ser anunciada pela micareta em suas redes sociais.

Carnatal

A programação completa do Carnatal deve ser divulgada ainda nesta semana. De acordo com Roberto Bezerra, um dos diretores da Destaque, a autorização para a realização do evento foi obtida em um prazo muito estreito para a realização do evento, o que prejudicou o fechamento de alguns contratos. “O anúncio da programação completa deve sair dentro de dois, três dias”, explica.

A venda de abadás para a micareta começou no início do mês, no último dia 7, com o bloco Vumbora. A tendência é que, com a divulgação da programação completa, a venda dos abadás dos outros blocos seja iniciada.

A Destaque reforça que o controle de acesso para o espaço onde será realizado o Carnatal ocorrerá mediante apresentação da Carteira de Vacinação Digital ou Certificado Nacional de Vacinação, para certificar que o folião está imunizado. O certificado pode ser emitido através das plataformas ConecteSUS ou RN+Vacina.

Desde o fim de agosto, a Destaque Promoções, empresa que realiza o Carnatal, elaborou um protocolo para a realização da micareta, determinando normas desde o fluxo de pessoas até a obrigatoriedade de vacinação por parte dos participantes. 

O carnatal e os outros eventos de massa só deverão acontecer se o atual cenário epidemiológico no estado permanecer como está hoje, ou melhorar. Isso significa que, caso haja aumento do número de internações ou mortes, a micareta e qualquer outro evento do gênero não poderá ser realizada.

FONTE: TRIBUNA DO NORTE

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

três × um =