Câmara de Natal deve votar hoje projeto de reforma da previdência

Foto: Elpídio Jr.

A Câmara Municipal de Natal deve votar, na sessão ordinária desta quarta-feira (29), um Projeto de Lei que propõe uma reforma no sistema previdenciário dos servidores públicos municipais da capital potiguar.

O projeto enfrenta resistência na bancada de oposição, que é minoria e não deve conseguir fazer com que o projeto seja barrado. No entanto, os vereadores oposicionistas estão empenhados na produção de emendas de bancada que devem ser encartadas ao projeto original com o intuito de amenizar os efeitos da proposta para os servidores.

O projeto chegou na Câmara sem tempo para que as discussões sejam aprofundadas, dado que a Casa está prestes a entrar em recesso. A última sessão antes da pausa nas atividades parlamentares acontece amanhã, quinta-feira (30) quando a reforma deve ser votada e aprovada, caso não seja ainda hoje.

Com o objetivo de pressionar os vereadores a não aprovar o projeto, representantes de classe e sindicatos estão convocando os servidores para acompanhar a votação presencialmente.

Representando o Sindsaúde nas redes sociais, Marcelo Antônio, membro da diretoria do sindicato, convocou chama o projeto de “mais um golpe do prefeito Álvaro Dias”, e convoca servidores para “dar um basta nas atrocidades” propostas pelo gestor.

“Nós do Sindsaúde convocamos todos os servidores da saúde do município de Natal a estarem presentes contra essa reforma da previdência, uma reforma que massacra a vida do trabalhador da saúde e todos os trabalhadores do município de Natal. Vamos dizer não e dar um basta às atrocidades do prefeito Álvaro Dias”, disse.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

cinco × três =