Natal: vacinação de pessoas em situação de rua conta com apoio da Guarda Municipal

FOTO DESTAQUE: SEMDES

A Ronda Saúde da Guarda Municipal do Natal (RondaS/GMN) iniciou nessa segunda-feira (26) um trabalho de segurança e apoio na vacinação de pessoas em situação de rua. O serviço é conduzido pela equipe do Consultório de Rua da Secretaria Municipal de Saúde (SMS) e os guardas municipais têm a missão de proteger e acompanhar todo o percurso na busca de identificar os moradores de rua e realizar a imunização contra a Covid-19. 

De acordo com informações repassadas pela Coordenação do RondaS/GMN, a ação humanitária foi iniciada pela Cidade Alta, centro da capital. Duas rotas de busca ativa foram programadas compostas por uma guarnição de guardas municipais e uma equipe de vacinação. O roteiro é seguido ao longo das ruas e no momento que os agentes percebem pessoas em situação de rua, as mesmas são abordadas, identificadas, explicadas sobre o programa de imunização, feito o cartão de vacinação e aplicado o imunizante. 

A titular da Secretaria Municipal de Segurança Pública e Defesa Social (Semdes), Sheila Freitas, ressaltou que o apoio operacional dos guardas municipais garante o ordenamento da vacinação, dão segurança à equipe de saúde e contribui na busca da população que vive nas ruas e necessita do amparo social realizado pela Prefeitura do Natal. “É um serviço humanitário de grande relevância. O Programa Nacional de Imunização contra a Covid-19 garante a prioridade na vacinação dessas pessoas, que estão expostas a um risco maior de contaminação. A Guarda mais uma vez se mostra atuando de maneira cidadã”, comentou. 

O imunizante destinado para aplicação nas pessoas em situação de rua é a Janssen da farmacêutica Johnson-Johnson. A utilização dessa vacina é mais apropriada à população de rua por necessitar de apenas uma dose para alcançar os resultados. O serviço móvel de vacinação de pessoas de rua apoiado pelas guarnições da GMN deve seguir até a próxima quinta-feira (29), com ações compreendendo as zonas Sul, Leste, Oeste e Norte. 

A segurança preventiva da GMN no processo de vacinação da população da capital iniciou em 19 de janeiro. As guarnições vêm garantindo a vigilância no ponto de guarda da vacina, deslocamento até os locais de aplicação do imunizante e durante o período ativo de aplicação das vacinas. 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

cinco − dois =