Deputados estaduais comentam sobre atenção à saúde no RN

Foto: João Gilberto

Os deputados Vivaldo Costa (PSD) e Jacó Jácome (PSD) fizeram pronunciamento na sessão ordinária da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte, nesta terça-feira (30), destacando atenção à saúde no Rio Grande do Norte.

O deputado Vivaldo Costa comentou sobre a variante Ômicron, que tem provocado uma nova onda de Covid-19 pelo mundo. “Eu não poderia deixar passar desapercebido este assunto, como médico. Hoje, no jornal local, o coordenador do Lais/UFRN, Ricardo Valentim, tranquilizou a população do RN dizendo que aqui no estado 90% da população está imunizada pelo menos com uma dose, o que já é um avanço grande, se comparado com outros países do mundo”, falou.

O parlamentar alertou que, apesar de não ser motivo para pânico, as pessoas devem continuar tomando a vacina contra a doença e se protegendo, com máscara e cuidados sanitários. “Nós temos que torcer para que os laboratórios concluam os medicamentos que vão auxiliar o tratamento e que têm eficácia contra a Covid-19, mas a gente deve continuar tomando os cuidados sanitários, principalmente os idosos”, destacou.

O deputado Jacó Jácome, por sua vez, informou que o mandato dele esteve, na última semana, realizando diversas visitas e ações nos municípios do RN, entre eles, na cidade de Japi. “Foi uma ação social onde levamos serviços do Instituto Técnico-Científico de Perícia (ITEP)”, contou.

Ele complementou que esteve em Macaíba na manhã desta terça-feira (30) e relatou que há uma demanda reprimida muito forte no município na área da saúde. “Fizemos contato com secretário de saúde para apresentar Emenda Parlamentar destinada à área, para 2022. A cidade é grande e estratégica e não pode ficar com tantos serviços parados”, disse.

Jacó Jácome também falou sobre Projeto de Lei protocolado por ele na Casa Legislativa que reconhece como cidade turística do sol, Natal e o estado do RN também. Ele explicou que se trata de política pública do turismo. “Sabemos que houve demanda reprimida, todo o lockdown gerou problemas econômicos e o turismo foi um dos mais afetados. Queremos ajudar o RN a ter um impulsionamento do turismo novamente, para que possamos voltar a ser aquele estado receptivo, com uma grande quantidade de visitantes. Pedimos celeridade à Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), para que até final do ano a gente tenha aprovação do PL e ele possa ser sancionado”, concluiu.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

14 − 3 =